Romanesco Salad
VEUVE CLICQUOT ROSÉ

SALADA ROMANESCO

PreviousNext
by @moriedakan
Olá, sou Kan Morieda, chef do “Chompoo,” um restaurante tailandês em Shibuya. Além disso, também presto consultoria e produzo restaurantes, bares, eventos e mídia. Comecei a carreira no restaurante “Tetsuya’s” em Sydney, na Austrália. A minha experiência ensinou a criar pratos com liberdade e a pensar fora da caixa. Hoje fiz uma “salada romanesca”. O romanesco tem uma textura crocante adorável. Combinei o sabor adocicado suave do romanesco com romã e queijo muçarela. Para dar uma marca distintiva especial ao prato, coloquei beterraba em conserva, pimenta do reino preta natural e frutos do eleagno como toque final. Gosto da culinária oriental; condimentada, levemente amarga e com aromas intensos. A acidez rica e refrescante do Veuve Clicquot Rose Label harmoniza perfeitamente com um prato de características marcantes. Quero abrir as mentes das pessoas. Ao ampliar ainda mais o potencial de como desfrutar dos “alimentos” com liberdade, espero que as pessoas possam aceitar melhor as diferentes culturas e criar um mundo mais radiante.
Play

Experimente a receita

Você vai precisar de

  • 1/4 de brócolis romanesco, 50 g de queijo muçarela
  • 5 grãos de pimenta preta, 20 sementes de romã
  • 3 pedaços (cortados na forma oval) de beterrabas em conserva
  • 1 colher de chá de vinagre de framboesa
  • 1 colher de chá de azeite
  • Folhas e flores de azedinha, se houver
Picar o romanesco em pedaços pequenos e colocar em uma tigela.
Na mesma tigela, adicionar o queijo muçarela em pedaços pequenos, os grãos de pimenta cortados ao meio e as sementes de romã.
Acrescentar o vinagre de framboesa, o azeite, e sal a gosto.
Monte o prato e faça o acabamento com a beterraba em conserva e a azedinha.

VEUVE CLICQUOT ROSÉ

KAN MORIEDA

Nascido em 1986, no Japão, Morieda desenvolveu sua carreira no renomado restaurante japonês "Tetsuya's" em Sydney, na Austrália, e no "Tapas Molecular bar" no Mandarin Oriental Tokyo. Ele abriu seu restaurante “Salmon & Trout” em 2014 e também abriu uma empresa produtora de alimentos, combinando Gastronomia x Inovação x Tradição. Com isso, Morieda criou uma comunidade de jovens e futuros chefs com menos de 35 anos, para desenvolver novos valores e experiências para a gastronomia no futuro.
Ele está produzindo um restaurante tailandês chamado “Chompoo” , que foi inaugurado em Shibuya. Ele também atua como pessoa-chave no "Food Film Festival" no Japão.